Pense novamente se você acha que as mulheres só fazem tatuagens de estrelinhas, coraçõezinhos e borboletas. Segundo os tatuadores que estavam na 2ª Tattoo Art Festival, o número de mulheres que procuram tatuar as partes íntimas aumenta a cada ano.

“Cerca de 40% das tatuagens que faço são em áreas próximas aos genitais. Outro dia mesmo uma mulher me procurou para tatuar um cortador de grama logo acima da vagina”, contou o tatuador Glauber Lets, há três anos como tatuador.

Thiago Cerreda, há 12 anos no ramo, também recebe diversos pedidos de tatuagens em locais mais “reservados”, principalmente vindos das mulheres. “Elas costumam pedir para tatuar pimentinha, nome de namorado. Uma vez, tatuei o apelido do marido, ‘Melo’, no genital da mulher dele”, disse.

“É uma tatuagem um pouco complicada de se fazer, por ser um local tão íntimo, mas a gente mantém o profissionalismo e faz o que o cliente pede, sempre alertando-o que aquilo é para sempre”, falou Lets.